segunda-feira, 30 de maio de 2011

O BARRO DO ESQUECIMENTO





  O BARRO DO ESQUECIMENTO



   O silêncio é o alimento dos mortos.



13 comentários:

Marcantonio disse...

Sim, e vivos já vamos fazendo dele um antepasto, Hors d'Oeuvres.

Como a imagem da foto é eloquente e, de certa forma, trágica!

Beijo.

silvioafonso disse...

.


"Quebrei minhas asas no
seu coração de pedra".

Adorei isso, sabia?

silvioafonso





.

Luiza Maciel Nogueira disse...

bravo!

bjs!

Lê Fernands disse...

nossa... fiquei muda com a força do teu verso.


lindo.
obrigada.

Jota Brasil disse...

Uma grande verdade, mas desde que seja o silêncio absoluto...

Anônimo disse...

E o aprendizado dos vivos.

Grande beijo, rica moça-poetisa-fotógrafa!

Unknown disse...

Belíssimo, Sônia!

Embora ame o silêncio, ele pertence mais aos mortos.

Beijos

Mirze

Mar Arável disse...

é preciso aprender a ouvir o silêncio

em vida

Luna disse...

mas também pode ser o equilíbrio dos vivos, eu preciso tanto de silencios, quem sabe se não passo de uma morta viva
bjs

Fred Caju disse...

Preciso!

dade amorim disse...

Não só, mas também.
Beijo, Sônia.

Hilton Deives Valeriano disse...

A força de poucas palavras...intensidade lírica.

:.tossan® disse...

A foto é bonita e não merece ser esquecida. Ela está clicada e pronto não se fala mais nisso! Bj