sábado, 10 de abril de 2010

O timoneiro



O timoneiro

A noite cai sobre o meu barco.
Para onde me levará o vento?

______________

17 comentários:

Claudia Almeida disse...

Lindo querida poeta!Bjs

Edson Bueno de Camargo disse...

O vento para os antigos gregos era vivo.

BAR DO BARDO disse...

Um snapshot...

C@urosa disse...

Olá minha querida Sônia Brandão, navegarás por mares calmos e seu destino será um doce mistério.

Paz e harmonia em sua semana,

forte abraço,

C@urosa

Sonia Schmorantz disse...

A cada dia nos fazemos a mesma pergunta, onde ou até onde nos levará...
beijo, ótima semana

Gaspar de Jesus disse...

Olá SÔNIA
Lindo este barquinho, pronto para a faina!
Parece-me ter sido contruído a partir de um tronco de árvore...(!?) com fazem os africanos.
Será ?
Bjs
G.J.

Victor Gil disse...

Amiga Sónia.

Sou timoneiro,
sem timão,
à deriva no vento,
sem embarcação.

Beijos amiga.
Victor Gil

Fernando Santos (Chana) disse...

Olá Sônia, bela fotografia...belo texto...Espectacular....
Beijos

Wilson Torres Nanini disse...

Quem sabe para aquele drummondiano amanhecer mais noite que a noite. rsrs

Mas quem tem uma sutileza dessas nunca fica à mercê de um não-abrigo: há sempre um farol empático.

Forte abraço!

Silvana Nunes .'. disse...

Bom dia, minha querida amiga Sônia.
O meu barco está a deriva (rs)
FOI DESSE JEITO QUE EU OUVI DIZER... e MEU CADERNO DE POESIAS deseja um dia de muito Sucesso para você.
Saudações Educacionais !

Mara faturi disse...

Belíssima imagem ( os barcos me marulham, adoro!) e poema,
bjos

Graça Pereira disse...

O vento leva-te até aonde fôr o teu pensamento...
Bjs
Graça

Fernando Campanella disse...

Boa noite, Sonia, ao ler teus versos, lembrei-me de um poema meu, o qual compartilho aqui com você:

Meus versos em uma barca

ou em uma garrafa vazia

meu gondoleiro é o vento

e alguma ilha a fantasia.

Fernando Campanella

Muito linda a postagem. A foto é maravilhosa também, me tocou muito. Grande abraço.

bossa_velha disse...

Adorei a imagem e o poema, Sônia. Acho o máximo quando percebo grandeza num escrito curto!

O Olhar da Lua disse...

Olá Sónia..

Gostei muito do teu blog...queria pedir para ajudares e divulgares o meu tb. oolhardalua.blogspot.com

Bj*

Fernando Campanella disse...

Oi, Sonia, acabei de ler teu comment, obrigado. Puxa, que maravilha, minha amiga, você e o Brandão estão em Monte Verde, já fui muitas vezes aí, é lindo demais, aproveita para tirar muitas fotos. Olha, amanhã, sexta-feira vou a Camanducaia à tarde, bem pertinho daí, talvez suba para tirar umas fotos, mas não é certeza. Mas em Camanducaia eu estarei depois das duas da tarde. Que bom seria se eu pudesse conhecer você e o Brandão. Transmita meu grande abraço a ele, e curtam muito o lugar aí. Até mais.

Nicodemos disse...

O Vento é vivo
os antigos gregos, não
é belo o barco
com ou sem timão



nos veremos nos ventos
que nos levam
e trazem boas novas



um beijÃO!