sexta-feira, 16 de abril de 2010

Leveza




Leveza


Era leve o pássaro
e ainda mais leve o seu canto.

_________

Foto e poema Sônia Brandão

10 comentários:

Lara Amaral disse...

É que ele não precisa formar versos para cantar.


Sempre belos escritos aqui.

Beijo.

C@urosa disse...

Olá minha sensível amiga Sônia Brandão, e seu canto torna mais leve e feliz a nossa vida. Muito lindo seus poemas, como sempre.

paz e harmonia em sua vida,

forte abraço

C@urosa

Marcos Campos disse...

Bonito. como sempre!
Bj

Helena Paixão disse...

Neste caso leveza combina (além de rimar) com beleza. Lindissimo este post! Foto com nota máxima.

Bjs :-)

Ana Martins disse...

Que suave Sónia e que lindo o pássaro escolhido!

Beijinhos,
Ana Martins

Nydia Bonetti disse...

Teu poema me fez mais leve, Sonia. Lindo. Beijos.

Graça Pereira disse...

Na vida tudo é mais do que aquilo que os nossos olhos veem e muito...o que a nossa alma sente...
Lindo, Sónia!
Beijo
Graça

Fernando Campanella disse...

Que foto mais linda , Sônia, que amarelo mais leve e delicado, como tuas palavras. Grande abraço.

Quintana é para sempre disse...

Quanta leveza neste canto seu.
Bjs.
Estela

Nicodemos disse...

Leve o pássaro
leve o canto
leveza e encanto




procê
com um abraço!