terça-feira, 13 de outubro de 2009

Graça




A graça
da garça
que dança
e balança
as penas
tão brancas
e plenas
de sol.

________

9 comentários:

Gaspar de Jesus disse...

Olá SÔNIA
Bom dia
Que linda esta foto de GARÇA BOIEIRA.
Parabéns pela escolha.
Beijinhos
G.J.

Nydia Bonetti disse...

São lindas as garças brancas. Amo teus poemas de pássaros, Sônia. Até flutuo neles... Beijos.

BC disse...

Muito linda a garça branca, branca como as tuas palavras.
Beijo
Isabel

Marcos Campos disse...

Oi Sonia!
Bom passar por aqui e ler o que vc escreve, tão curto, tão belo!!
Beijo!

Wilson Torres Nanini disse...

vc esta falando da pele ou da alma? rsrs As duas são permutáveis, levinhas, levinhas... Ótimo poema!!!

Fernando Campanella disse...

Linda foto, lindo poema descritivo, Sonia, parabéns.

Iara na Janela disse...

Sigo voando à procura de garças que me cerquem as ranhuras, os lagos e as lágrimas.

Belíssimo poema!

Ana Martins disse...

Que beleza, a graça da garça!

Beijinhos,
Ana Martins

Claudia Almeida disse...

O bico é um lápis de cor.
I like to be an impossible bird!kisses Poet