quarta-feira, 11 de março de 2009

Por que choro




O poeta me pergunta:
Por que choras, mulher?

Choro porque o dia é oco
como um poço seco.

Choro porque a noite
pulsa sobre as flores

que amanhã não se abrirão.

Choro porque não posso
parar o pássaro da morte

que me leva em suas garras
e me faz pedra e pó.


Poema e foto: Sônia Brandão

15 comentários:

nydia bonetti disse...

Belíssimo, Sõnia! Pura emoção te ler.
beijos

Victor Gil disse...

Sônia.
Simplesmente maravilhoso. Podia dizer tanta coisa, mas acho que as duas palavras anteriores refletem tudo aquilo que sinto. Um arrepio na pele.
Beijos.
Victor Gil

MARTHA THORMAN VON MADERS disse...

Lindo melodicamente lindo!
Um abraço

Pedro Luso de Carvalho disse...

Éssa é a dura realidade, Sônia: não podemos "parar o pássaro da morte".

Quem disse que os poetas vivem nas nuvens?

Abraço,
Pedro Luso

MARTHA THORMAN VON MADERS disse...

Obrigada pela visita. Se um pássaro me perguntar porque choro, não saberei responder;
beijos

Marcelo Henrique disse...

Digo a mulher: Não chore!
Tens a magia da alma feminina,
És encanto quando fizeste menina.
Cresceste compilando o belo,
No universo, és o elo,
Da grandeza que une os homens...

Olá Sônia, venho muito em seu blog. Seus textos são ricos e as fotos um espetáculo a parte!

Dona Poesia disse...

Olá Sonia. Quando tiver um tempinho sobrando, gostaria que vc lesse, lá no blog, o poeminha "o gato e o passarinho".
abração

MARTHA THORMAN VON MADERS disse...

Passando para desejar um ótimo final de semana. Apareça por lá tenho novidades no blog de história.
beijos

Alda disse...

Lindos poemas!!!
Adorei o seu blog e vou voltar mais vezes!
Um beijinho

Licas disse...

Poema tão lindo e sereno.

Traz a calma de uma manhã de primavera, entristecida pela visão negativa de uma mulher.
Porquê?
É a nossa alma de fado que nos sensibiliza mais para o belo???

Parabéns!
volto sempre que puder
Licas

Ana Martins disse...

Que profundidade de sentimentos!!!
Muito bom... Beijinhos,
Ana Martins

Philip Rangel disse...

Sonia maravilhoso...vc resumiu em poucas palavras...

explendido....

bjosss

Sonia Schmorantz disse...

Não chore então, porque morte é o arremate de uma vida já bem vivida, só isso..
beijos e bom final de semana

Dominika disse...

beautiful photo
greetings from Poland

Alda disse...

Sónia,
Bonito poema e foto!
Beijinhos